Quero ser cliente
Central de Vendas 0800 707 4774 ou 54 3544 1800
Postado em 10 de Setembro de 2019 às 08h43

Tecnologias alteram consumo no varejo farmacêutico

A principal alteração de consumo no varejo farmacêutico causada pela tecnologia é a automação do processo de compra. Ao invés de ir até o estabelecimento é possível enviar os itens necessários para o consumidor antes de ele ter a necessidade

As tecnologias podem influenciar a forma de consumo no varejo farmacêutico. A principal transformação em curto prazo talvez seja na automação do processo de compra. Ou seja, ao invés de ir até o estabelecimento para comprar seus medicamentos, é possível, por meio da coleta de dados, enviar os itens necessários para o consumidor antes de ele ter a necessidade.

Sabendo quantas pessoas precisarão dos produtos, é possível racionalizar o estoque. Assim, consequentemente, reduzir o tamanho físico das farmácias, otimizar a produção e, possivelmente, diminuir os preços dos medicamentos.

De acordo com o diretor da Digital Law of Attraction, Fernando Cascardo, a saúde é uma das prioridades para o consumidor. Dessa forma, 75% da população modifica sua dieta para cuidar da saúde, 63% busca perder peso fazendo exercícios e 80% seleciona ativamente alimentos que ajudem a prevenir problemas de saúde.

Dados como esses ajudam o setor a crescer em diversas frentes, tanto de tecnologia, novos produtos, equipamentos e em inovações de medicina preditivas. Assim, entre as plataformas mais conhecidas, estão prontuário e receituário eletrônicos; exames remotos; automação da jornada do paciente; agenda do médico; aplicativos de bem-estar; entre outros.

Fonte: Guia da Farmácia

Veja também

Hábitos saudáveis poderiam evitar 27% dos casos de câncer no Brasil26/04/19 Maria Fernanda Ziegler  |  Agência FAPESP ? Tabagismo, consumo de álcool, excesso de peso, alimentação não saudável e falta de atividade física são os fatores de risco associados a um terço das mortes causadas por 20 tipos de câncer no Brasil, segundo um novo estudo. Publicado na revista Cancer Epidemiology, o trabalho indica que, do total dos casos de câncer anuais no Brasil, pelo menos 114 mil (27% do total)......
Projeto de Lei sobre MIPs em supermercados é arquivado25/03/19 Mais do que uma vitória para o mercado farmacêutico, uma conquista para a saúde da população. Após um ano de tramitação, a Câmara dos Deputados decidiu arquivar o Projeto de Lei nº 9482/2018. De autoria do parlamentar Ronaldo Martins (PRB-CE), a proposta......
UFG desenvolve medicamento que reverte overdose de cocaína10/05/19 Lançamento no mercado depende de parceria com a indústria farmacêutica A Universidade Federal de Goiás (UFG) anunciou o desenvolvimento de uma nanopartícula capaz de capturar a cocaína em circulação na corrente sanguínea e, assim, evitar os efeitos da......

Voltar para Notícias